Artista e Galeria - Galeria Carmem Florà
Galeria Carmem Florà (localizada no Leblon, Rio de Janeiro) abriu suas portas no início de 2017 com criteriosa seleção de artistas, investindo na divulgação da cultura brasileira. A proposta da galeria é oferecer exposições com grandes artistas em local alternativo, deslocado do centro urbano do Rio de Janeiro, na Serra dos Órgãos em Teresópolis.

A galeria promoverá também encontros com curadores, críticos, colecionadores e outros artistas convidados. Nossas portas estão abertas para experiências estéticas, conceituais e diálogos.Marque uma visita!

Contatos:

(21) 99637-9321
loja@carmemflora.com.br




Quem foi Carmem Florà (1931-2017)?

Brasileira, escultora, pintora hiper-realista, restauradora, designer, arquiteta, decoradora e moveleira. Em 2015, recebeu da Sociedade Brasileira de Belas Artes, duas premiações com TROFÉU RIO 450 ANOS e MEDALHA DE OURO por sua participação no SALÃO NACIONAL DE BELAS ARTES com a obra ARPOADOR

Foi membro do grupo de artistas do BIKO-KAI — projeto do Instituto Cultural Brasil-Japão para promover a difusão da cultura japonesa no Brasil. Faz parte do catálogo PANORAMA RIO | Artes Visuais (2014) com curadoria de Marly Faro. 

Desde 1996, realizou exposições individuais nas galerias Gonzales e Marly Faro (Rio de Janeiro); no Espaço Cultural da EMERJ – Palácio da Justiça; em 1998, na Galeria Manolo Saez (Curitiba) e no Espaço de Artes ECELSA (Vitória). Nas exposições coletivas (2013-2015) do BIKO-TEN — Galeria Antonio Berni - Espaço Cultural Consulado Argentino/RJ — promovidas pelo Consulado Geral do Japão no Rio de Janeiro. 

Deu aulas em seu ateliê no Rio de Janeiro de 1993 a 2014. Foi professora do Curso de Decoração e Desenho na PUC – Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (1960 à 1966); apresentou projetos de decoração nos programas de EDNA SAVAGET nas TVs TUPI, RECORD e BANDEIRANTES no Rio de Janeiro (1967-82).

Pertenceu ao departamento de engenharia do BANCO REAL, onde realizou projetos de arquitetura para suas agências (1968 à 1977); foi professora de Desenho de Perspectiva e Decoração, além de diretora, do CLUBE DOS DECORADORES do Rio de Janeiro (1970 à 1996); professora do Curso Livre de Desenho e Perspectiva na PUC – Pontifícia Universidade Católica de Petrópolis (1991 à 1992). 

Sua obra tem exemplares em acervos permanentes, como do Museu de Arte de Londrina (Paraná), e em coleções particulares de Brasil, Portugal, África do Sul, França e Espanha.

Em Maio de 2018, a cidade de Teresópolis prestou uma homenagem a Carmem Flora através de sua Secretaria Municipal de Cultura com uma retrospectiva da obra da artista na Casa de Cultura Adolpho Bloch. Visitas guiadas realizadas pelo curador Luiz Nogueira, receberam mais 200 alunos de escolas públicas da região.